Visualização de conteúdo web Visualização de conteúdo web

Visualização de conteúdo web Visualização de conteúdo web

História do Clube

Clube de Golf do Estoril

A sua história data de 1929 ano em que Fausto de Figueiredo detentor dos direitos de concessão do Casino Estoril e proprietário de dois hotéis da zona inaugurou os primeiros nove buracos do campo. Este percurso desenhado pelo francês Jean Gassiat tinha como objectivo oferecer uma área de lazer não só para turistas como para a comunidade estrangeira radicada no País. O seu Pavilhão era sitio da ex-morada de S.A.R. - Conde de Barcelona, mas paralelamente surgiu um núcleo de jogadores portugueses que através de um contrato de arrendamento com a Estoril Plage, S.A. provocou a origem da fundação oficial do Clube - 1945.

Esta data coincide com o ano em que foram inaugurados os segundos nove buracos e adaptação dos restantes, projecto este concebido pelo Arquitecto escocês Mackenzie Ross discípulo de um dos mais notáveis Arquitectos de Golf - Donald Ross.

Foram fundadores do Clube vários notáveis tais como:

- Visconde de Soveral
- Visconde de Pereira Machado
- José Posser de Andrade
- Nuno de Castro Pereira
- António de Vasconcellos Marques
- Duarte Bello
- José de Sousa e Mello
- Conde de Farrôlo
- Alfredo Roquette
- Bartolomeu Perestrello
- Máxime Vaultier
- Fernando Cabral
- Luís de Sousa Lara
- António Lino
- Barão de Beck
- J. Posser de Andrade
- Luís Beltrão

O troféu mais antigo do Clube data de 1938 e ostenta o nome de Ricardo Espírito Santo Silva - o primeiro presidente da Federação Portuguesa de Golfe, mas existem registos de jogos desde 1929 tendo sido ali que se jogaram a partir de 1934 os primeiros campeonatos nacionais de amadores, dominados por Visconde Pereira Machado (Nuno de Brito e Cunha). Posteriormente em 1945 o percurso passou a receber invariavelmente o Campeonato Internacional de Portugal e o Open de Portugal neste caso entre 1953 e 1972 e ainda em 1974 e 1987.

Foi igualmente no Clube de Golf do Estoril que se formaram os primeiros profissionais Portugueses de Golfe, Henrique Paulino e Joaquim Rodrigues que ainda hoje lecciona bem como Carlos Aleixo já falecido.

Por tudo isto ao entrar no Club-house sente-se o peso e o fascinio da história, notando-se que o espírito com que o Clube nasceu tem sido preservado ao longo dos tempos.

O campo já sofreu algumas alterações ao projecto inicial, nomeadamente quando no final da década de 80 foi atravessado pela auto-estrada de Cascais, perdendo dois dos seus mais emblemáticos buracos. O buraco 9 - par 3 e o buraco 16 par 3 de 200 metros.

Várias personagens foram Sócios e ou frequentadores do nosso Clube entre elas destacam-se S.A.R. - Conde de Barcelona, assíduo jogador e Sócio do nosso Clube, seus filhos e o Duque de Windsor. Aliás ainda hoje são jogados dois Torneios alusivos a estas personalidades.

É um dos Clubes com mais vitórias no Campeonato Nacional de Inter-Clubes Masculino - Taça Visconde Pereira Machado (um torneio criado em 1944).

No Campeonato Nacional de Inter-Clubes Feminino - Taça Nini Guedes de Queiroz (um torneio criado 1992) o Clube foi vitorioso em 6 edições e Vice Campeão 5 edições.

A nível colectivo é ainda a segunda potência do país como demostram os títulos de vice-campeão 2000 e 2002.

Individualmente, além do Visconde Pereira Machado surgiram outras lendas do Golf Nacional como o seu filho homónimo ou José Lara de Sousa e Melo (neto do fundador) eleito pela Federação Portuguesa de Golfe em Dezembro de 2002 o melhor Amador Português de sempre.

Actualmente o Clube de Golf do Estoril é um dos Clubes com mais jogadores praticantes de golf em Portugal.

Foram Presidentes do Clube desde a sua Fundação os Senhores:

1945/1948 - Luís de Sousa Lara
1949/1953 - Visconde de Pereira Machado
1954/1956 - Nuno de Castro Pereira
1957/1960 - Visconde de Soveral
1961/1967 - Visconde de Pereira Machado
1968/1970 - Fernando Mendes de Almeida
1971/1973 - Luís Beltrão
1974/1987 - Visconde de Pereira Machado
1988/1990 - Carlos Garnel
1991/1996 - Ruy Soares Franco
1997/2002 - Ruy Sottomayor
2003/2006 - António Braamcamp Sobral

2007/      - José Lara de Sousa e Melo